02 dezembro, 2008

256 - Golfinhos em terra

Foto: Filha de Tubarão

AMIGO GOLFINHO

Tenho um golfinho amigo,
Ali para as águas do Sado
Ele andava perdido,
E por alguém foi encontrado
Por Bisnau foi baptizado
E muito feliz ficou
Por uns amigos ter encontrado,
Que por eles se apaixonou.

Ele é muito brincalhão,
Porque muitas partidas faz
Vocês acreditem ou não,
Do que este amiguinho é capaz
Então, não é que o Pescador,
Que ia na sua traineira
Naquele mar de primor,
Foi levado para a brincadeira.

Por este golfinho descarado,
Que a traineira fez balançar
Deixando o pescador todo molhado,
Que com ele não se foi zangar.

Ó golfinho brincalhão,
Diz o pescador, ao Bisnau
Ando com as redes neste mar chão,
A ver se apanho o carapau
E tu me deixas todo molhado,
neste mar tão salgado.

O golfinho, para as pazes fazer
Chamou os carapaus com rigor
Para uma bela pesca oferecer,
Ao seu querido amigo pescador.

Lá foram os dois muito contentes
Pelo Sado, devagar
Levando como presente,
Uma pesca de encantar
Bisnau e o Pescador,
Que no Sado muitos os vejam
Não dêem aos golfinhos dor,
que eles a nós nos beijam

3 comentários:

sharkinha disse...

Querida Susete:
Obrigada por reparares na minha foto e a publicares no teu blog.
Mando-te beijinhos meus, do Shark e dos meus amigos golfinhos!

Susete Evaristo disse...

Obrigada querida claro que reparava não só por ser uma foto tua como por ser uma foto muito bonita e tirada de um geito que não sei se eu seria capaz. Continua pois tens muito jeito e sempre que eu tiver um poema a condizer com o teu bonito trabalho claro que com a tua permissão as vou buscar para o Imagens.
Um beijinho para ti e para o Shark dá por mim também, beijinhos aos Golfinhos.

Vieira Calado disse...

Olá, viva!

Fiquei muito agradado com o que vi e li neste blog.

Os meus cumprimentos